Conheça as novidades das Organizações Curriculares na Rede Escolar Pública Estadual para o Ano Letivo de 2021

0

A Secretaria da Educação (Sedu) divulgou as diretrizes para as Organizações Curriculares na Rede Escolar Pública Estadual para o ano letivo de 2021, por meio da Portaria nº 150-R, publicada na última segunda-feira (14), no Diário Oficial do Estado, que dispõe sobre as regras.

A Educação Básica é composta pelo Ensino Fundamental e Ensino Médio e pode ser desenvolvida por meio das modalidades de ensino: Educação de Jovens e Adultos (EJA), Educação Especial, Educação Escolar Indígena, Educação do Campo, Educação Escolar Quilombola e Educação Profissional Técnica de Nível Médio.

A subsecretária de Estado da Educação Básica e Profissional da Sedu, Andréa Guzzo Pereira, ressaltou que, diante do atual contexto educacional vivenciado ao longo de 2020, as Organizações Curriculares 2021 refletem a política educacional da Rede Pública Estadual. “Primamos pela equidade da rede no que tange ao direito de aprendizagem de todas e todos estudantes, respeitando seus contextos, suas histórias, experiências e vivências”, disse Andréia Guzzo.

Conheça as principais novidades:

Educação em Tempo Integral

– Será ofertado o modelo de 7 horas, no turno matutino, em 10 escolas de municípios diferentes;

– A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Fazenda Emílio Schroeder, em Santa Maria de Jetibá, passará a ofertar pedagogia da alternância em Tempo Integral.

Educação de Jovens e Adultos (EJA) – Diurno

– Implantação do SEJA +: novas turmas com carga horária ampliada e inclusão das disciplinas “Mundo do Trabalho e suas Tecnologias” e “Cultura Digital” como preparação para o Mundo do Trabalho;

– Inclusão das disciplinas “Práticas e Vivências Integradoras I e II”, como Componente Integrador.

Educação de Jovens e Adultos (EJA) – Noturno

– Inclusão das disciplinas “Mundo do Trabalho e suas Tecnologias” e “Cultura Digital” como preparação para o Mundo do Trabalho;

– Inclusão do Projeto Integrador de Pesquisa e Articulação com o Território (PIPAT).

Educação de Jovens e Adultos (EJA) no Sistema Prisional

– Inclusão das disciplinas “Mundo do Trabalho e suas Tecnologias” como preparação para o Mundo do Trabalho.

Sistema Socioeducativo

– Oferta da Modalidade EJA nas Unidades: UNIP I, UNIMETRO, CSE e UNIS Norte, com a inclusão da disciplina “Mundo do Trabalho e suas Tecnologias” como preparação para o Mundo do Trabalho;

– Inclusão da disciplina “Projeto de Vida” no Ensino Fundamental anos finais e Ensino Médio.

Ensino Médio

– Todos os estudantes passarão a ter carga horária anual de 1.000 horas, o que equivale, nos turnos matutino e vespertino, a seis aulas de 50 minutos por dia;

– Os estudantes passarão a ter aulas eletivas, Estudo Orientado, Projeto de Vida, Redação e Cultura Digital;

– Os estudantes que optarem pela Educação Profissional (Ensino Médio Integrado), passarão a cursar tanto a parte técnica, quanto a parte regular no mesmo turno.

Educação Infantil e Ensino Fundamental

– Possibilidade de ampliação da carga horária anual para 1.010 horas, sendo seis aulas diárias de 50 minutos cada e 20 minutos de recreio;

– Nesse modelo, está a inserção dos componentes integradores: Projeto de Vida e Estudo Orientado, em todos os anos do Ensino Fundamental anos finais, sendo uma aula semanal de Projeto de Vida e duas aulas semanais de Estudo Orientado.

Leia atentamente a Portaria nº 150-R.

Portaria nº 166-R – Altera a Portaria nº 150-R/2020

Portaria nº 001-R – Altera a Portaria nº 150-R/2020

PORTARIA Nº 001-R, DE 05 DE JANEIRO DE 2021

Leia Mais: Secretaria da Educação divulga Diretrizes para as Organizações Curriculares na Rede Escolar Pública Estadual para o Ano Letivo de 2021

Informação à Imprensa
Assessoria de Comunicação da Sedu
Mirela Marcarini / Geiza Ardiçon / Soraia Camata