Conheça cinco sintomas para ficar atenta com o câncer de mama

Comente
CARRINHO-MALUCO
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n
rosa corel

A principal manifestação da doença é a presença de um nódulo fixo e indolor

Com o encerramento do mês de setembro, iniciam-se as atividades da campanha Outubro Rosa, que tem como principal objetivo conscientizar a população, principalmente a feminina, sobre a importância da detecção precoce do câncer de mama para que o tratamento seja mais eficaz.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), esse tipo de tumor é o mais incidente nesse grupo, depois do de pele não-melanoma.

Atualmente, orienta-se que toda mulher observe a sua mama e realize o autoexame (ato de tocar os seios à procura de texturas anormais) sempre que possível e quando se sentir mais confortável. Ou seja, pode ser na hora do banho, ao trocar de roupa ou em algum outro momento do dia, pelo menos uma vez por mês.

Depois dos 50 anos de idade, entra em cena a mamografia, que deve ser feita anualmente. Estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que mulheres que fazem o exame a cada dois anos podem reduzir em até 40% o risco de morte por câncer de mama.

De acordo com a rádio-oncologista Anne Karina Kiister Leon, do Instituto de Radioterapia Vitória (IRV), existem tumores mais agressivos e que se desenvolvem rapidamente. “Nesses casos, até aquelas que fazem mamografia regularmente podem descobrir a doença já em estágio mais avançado”, destacou.

Fique atenta a estes cinco sinais de um tumor na mama e procure um médico caso identifique algum deles:

1 – Presença de caroço fixo e geralmente indolor
É a principal manifestação da doença e está presente em cerca de 90% dos casos em que o câncer é notado pela própria mulher por meio de toque.

2 – Alterações na pele dos seios
A pele que cobre a mama pode ficar avermelhada, retraída ou parecida com uma casca de laranja, como se tivesse celulite.

3 – Anormalidades no bico do peito (mamilo)
Retração ou afundamento de um ou dos dois mamilos são sintomas de tumores nas mamas.

4 – Pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço
Pequenas estruturas que funcionam como filtros para substâncias nocivas, os gânglios linfáticos (linfonodos), podem inchar ou aumentar de tamanho quando algo não está certo.

5 – Saída de líquido incomum das mamas
A secreção tem como características a coloração transparente, branca ou amarelada, e que muitas vezes libera odor desagradável. É mais comum em fases avançadas da doença.

12311101_932419773478464_1231929020317032740_n
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *