Pedreiro é chamado de otário e esfaqueia adolescente de 15 anos

Comente
CARRINHO-MALUCO
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n
c8c_6c7_be9_img_2937_614802_4f624783e7cab_3761_503d314ab6d9d_min_dc-3769-503d325924d3f-300x162

c8c_6c7_be9_img_2937_614802_4f624783e7cab_3761_503d314ab6d9d_min_dc-3769-503d325924d3fA Polícia Militar prendeu um pedreiro de 45 anos suspeito de esfaquear um adolescente de 15 na tarde desta segunda-feira (23), em frente a uma agência bancária no centro de Linhares. O homem confessou o crime à polícia e disse que cometeu o atentado porque foi chamado de otário pelo menor, que é morador de rua.

A tentativa de homicídio ocorreu por volta de 15h20min, na Avenida João Felipe Calmon. De acordo com o boletim policial, o adolescente foi ferido com uma faca na região do abdômen e socorrido pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital Geral de Linhares (HGL).

A vítima não soube informar à polícia o nome do acusado nem a motivação do crime. Apenas contou que o agressor tinha olhos claros e usava camisa de cor laranja, bermuda estampada e boné vermelho.

Com base nas características fornecidas pela vítima, a Polícia Militar realizou buscas na região e conseguiu localizar o suspeito em frente a uma loja de conserto de aparelhos eletrônicos. O pedreiro confessou que esfaqueou o adolescente porque o menor teria ficado “zoando dele e o chamando de otário”.

O pedreiro foi conduzido ao Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Linhares. Segundo o delegado Fabrício Lucindo, o detido foi autuado por crime de tentativa de homicídio e será conduzido ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Colatina.

Grupo tenta furtar mais de 200 latas de energético de supermercado e acaba preso

Quatro jovens foram presos no início da madrugada desta terça-feira (24) tentando furtar mais de 200 latas de energético e mais de 30 garrafas de uísque de um supermercado no bairro Novo Horizonte, em Linhares. Para a Polícia Militar, eles disseram que planejaram o furto porque queriam fazer uma festa.

A prisão ocorreu depois que o alarme do estabelecimento disparou e um funcionário percebeu que havia pessoas no interior da loja. Os policiais militares logo chegaram ao local e cercaram o supermercado. Dois borracheiros de 18 e 24 anos, e dois ajudantes de pedreiro de 19 anos foram detidos na laje do estabelecimento.

Com o grupo, a Polícia Militar recuperou 37 garrafas de uísque e 207 latas de energético, além de dois desodorantes e um isqueiro. Todos os detidos foram conduzidos ao Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Linhares. De acordo com o delegado Fabrício Lucindo, eles foram autuados por furto e serão conduzidos ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Colatina.

12311101_932419773478464_1231929020317032740_n
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *