Vai começar o campeonato de futsal mais tradicional de B.S.f “Perna de Pau”

Comente
CARRINHO-MALUCO
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n
Paulinho Caipora secretario de Esportes durante abertura em 2011

Campeonato de futsal Perna de Pau, que sem duvida é o mais tradicional da região começa na próxima segunda feira as 19h 45 , onde as equipes já estão se preparando para estréia na competição

Estão inscritas as seguintes equipes:

Açougue do Márcio, Independente/Compra Certa Brastemp, Juventude da Colina, Natália Lanches, Refrigeração shimit, Cachoeirinha de Itaúnas, Academia.com/Granvinalli, Atlético da Vila Landinha, Juventus da Colina, Borracharia Alvorada, Diel Lanches, João XXIII, Supermercado Gomes/Supermercado Bambé, Casa do Cloro, Aerozon Pneus, Carabina Futebol Clube, São Francisco, Família Almeida, Kilão Bom Preço, Claro Vip Center, Mol Motos, Beira Rio Veículos/Derson Lanches, Fiat Belle, Cruzeiro da Penha

 

 

 

 

R E G U L A M E N T O  DO 13º CAMPEONATO PERNA-DE-PAU DE FUTSAL 2012

 

Artigo 01 – As equipes serão formadas entre 10 a 15 jogadores, com apenas um jogador de fora, em ficha  própria da organização.

Artigo 02Regras adaptadas para o evento:

a)       As partidas serão disputadas  em três tempos iguais de 10 minutos, com intervalos de 02 minutos para descanso;

b)       No 1º tempo, as equipes não podem realizar substituição de jogadores.

c)       No 2º tempo, as equipes serão obrigadas a fazer, no mínimo, 03 substituições de atletas, e estes que entrarem, não poderão ser substituídos durante este  tempo. A não ser, em caso de contusão que o exclua da partida.

d)       No 3º tempo, as equipes terão substituições livres.

Artigo 03 – A partida poderá ser iniciada com 04 atletas de cada equipe em quadra, mas no 2º tempo a equipe deverá realizar as substituições obrigatórias, de acordo com artigo 02(c). Se a equipe não puder realizar as 03 substituições obrigatórias, esta ficará com MENOS UM atleta em quadra  neste período, além de ser advertida, podendo sofrer punições na competição se for percebido má Fé em burlar as Leis do jogo.

Parágrafo Único – A equipe que não cumprir com as suas obrigações, será declarada perdedora, inclusive, se não comparecer em quadra no horário de seu jogo, definido em tabela, havendo uma tolerância máxima de 15 minutos.

Artigo 04 – O atleta que se machucar  no 1º tempo, NÃO poderá ser substituído do jogo, a não ser que seja para abandonar a partida, não podendo voltar para o restante desta mesma partida, sendo assim substituído por outro atleta, que cumprirá as mesmas regras deste em relação aos outros dois tempos restantes.

Artigo 05 – O goleiro poderá lançar a bola com as mãos à quadra adversária, como nas “peladas”, e a bola poderá ser devolvida ao mesmo, quantas vezes forem necessárias, mas, este deverá estar fora de sua área, com recepção da mesma somente com o uso dos pés. Não se pode fazer NENHUMA devolução de bola ao goleiro dentro de sua área, se isto acontecer a equipe será punida com tiro livre direto sem barreira, mesmo antes de atingir a 5ª falta, lembrando que todas as faltas serão cobradas da marca.

Artigo 06 – Até a 5ª falta as cobranças serão no local da infração com barreiras, salvo o artigo 5º. A partir daí todas as cobranças serão em tiros livres sem barreiras da marca dos 10 metros. As faltas poderão ser cobradas por qualquer atleta.

Artigo 07 – O atleta que cometer cinco (05) faltas no jogo estará automaticamente EXCLUÍDO da partida, e a equipe será punida atuando com um jogador a menos durante dois minutos, ou sofrendo um gol. No banco poderão estar todos os jogadores inscritos, desde que, uniformizados, além dos três dirigentes inscritos na súmula.

SISTEMA DE DISPUTA

Artigo 08 – Os jogos serão disputados no sistema IDA e VOLTA, com duas partidas para cada equipe, no sistema eliminatório, não havendo vantagens no saldo de gols, em caso de resultados iguais de vitórias.

Parágrafo Único – Quando ocorrerem dois resultados iguais, a decisão irá para uma prorrogação de apenas 01 tempo de 05 minutos. Persistindo empate na prorrogação, decisão com 03 penalidades máximas, com atletas que encerraram a partida. Persistindo o empate cobranças alternadas. (Até atletas do banco de reservas cobram, se for preciso).

Artigo 09 – A formação das chaves e tabela dos jogos será de acordo em congresso técnico com as equipes participantes, em local, data e horário a serem estabelecidos pelos organizadores, assim como algumas normas especiais de acordo com os representantes das equipes e Comissão Organizadora. No encerramento de cada fase será realizado novo sorteio.

Artigo 10 – As inscrições de atletas  serão feitas no local de um dos congressos técnicos (a ser confirmado pela organização), com o pagamento de uma taxa de participação no valor de R$ 100,00 (Cem Reais), para eventuais despesas da competição. Ressaltando que em hipótese alguma será incluído atletas a partir da entrega das fichas de inscrição.

Artigo 11 – Cada equipe deverá apresentar-se uniformizada (calção, camisa e meiões iguais) para suas respectivas partidas. O atleta que não estiver de acordo com o artigo 11 não poderá participar da partida, e este deverá ficar na parte externa da área de jogo. Uniformes iguais a equipe da direita da tabela efetuará a troca. Não será permitida para aquecimento a bola da Comissão Organizadora.

Artigo 12 – Cada equipe deverá apresentar-se para suas respectivas partidas com uma bola em bom estado de conservação, que será analisada pela equipe de arbitragem. Caso a equipe esteja fora da exigência do artigo 12, esta não poderá manifestar contra a decisão da Comissão Organizadora e Equipe de Arbitragem.

Artigo 13A Comissão Organizadora não assume a responsabilidade por acidentes (contusões em geral) sofridas por atletas, no decorrer da partida, assim como distribuição de água ou remédio para as equipes. Por isso, as equipes deverão tomar as providências necessárias para tal.

Artigo 14 – O atleta será suspenso automaticamente de uma partida, quando:

a – Receber cartão vermelho;

b -A cada acumulo de 02 cartões amarelos no decorrer da competição.

Parágrafo Único – A Comissão Organizadora poderá suspender ou eliminar atleta(s), dirigente(s) ou equipe(s) se o ato da suspensão ocorrer quando se tratar de infração grave, ficando os mesmos penalizados para  a competição seguinte realizado por esta comissão.

Artigo 15 – A Comissão organizadora juntamente com os representantes das equipes decidiu distribuir dois atletas da lista por equipe para esta competição,  podendo ainda cada equipe incluir um atleta não federado de outro município. Haverá entregas de troféus e medalhas ao campeão e vice. E mais: Campeão R$ 1.200,00 (Um Mil e Duzentos Reais); Vice R$ 700,00(Setecentos Reais), 3º Colocado R$ 300,00(Trezentos Reais), 4º colocado R$ 100,00(Cem Reais). Lembrando que a decisão será duas partidas. Não haverá jogo de terceiro e quarto lugar, que será conhecido por índice técnico da fase encerrada. Os critérios são os inseridos no ARTIGO 18º.

Artigo 16 – Nenhum dirigente poderá coordenar duas equipes, independente da sua ocupação, e seu traje poderá ser: calça comprida ou bermudão alem de camisa e calçados adequados para a finalidade. E só poderá ficar no banco de reservas os dirigentes assinados na súmula da partida.. O atleta ou dirigente que tentar tumultuar a competição poderá ser eliminado bem como a equipe.

Artigo 17 – Incluir atleta que não reside, ou que não possui vinculo empregatício devidamente regularizado no município de Barra de São Francisco-ES com pelo menos três meses, a não ser no caso especifico do ARTIGO 15º a equipe infratora será eliminada sumariamente da competição. (Não cabendo  recurso).

Artigo 18 – A competição contará com 24 equipes. Ficou definido que na terceira, fase  incluiremos  duas equipes através da repescagem para a composição dos grupos num total de oito. O critério para a escolha da equipe será a seguinte na  fase: 1º, Ataque mais positivo, 2º Saldo de gols, 3º defesa menos vazada, 4º Equipe mais disciplinada.

Artigo 19Os recursos serão encaminhados, somente através do responsável pela equipe, escrito e assinado, até duas horas após o término da partida, por entender que esta competição é de curto prazo, e, que será analisado pela Comissão Organizadora, no máximo 48 horas depois do término da partida.

Artigo 21 – Casos omissos neste regulamento serão decididos pela organização, procurando preservar a integridade do evento.

Realização

Prefeitura Municipal de Barra de São Francisco

 Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer

 

05  de Março de 2012

                                                      

12311101_932419773478464_1231929020317032740_n
111 12227650_924401994280242_7856840745081785682_n

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *