Avalanche 55 se repete: milhares no comício do Bambé

0

de não querer responder aos ataques, Enivaldo não deixou de mencionar algumas coisas da oposição: “Agora, querem dizer que não acredito em Deus. Acho que quem não acredita é quem não faz a vontade de Deus. Tenho certeza de que Deus não aprova gente que rouba dinheiro público, que não paga servidores em dia, que dá cheque sem fundo na praça e vive caluniando os outros. Eu digo o que já fiz e o povo tem orgulho disso. Acho que eles deveriam também dizer o que fizeram”.

Enivaldo voltou a falar do futuro de Barra de São Francisco e do aumento de arrecadação: “Estamos arrecadando mais de R$ 6
milhões por mês. Esse dinheiro não pode ser colocado em mãos de gente desonesta. E nos próximos 10 anos, Barra de São
Francisco será uma das potências econômicas do Espírito Santo, graça às 48 cores diferentes de granito que possui, atendendo ao mercado internacional de todos os gostos. A cidade precisa escolher um administrador com visão, e em janeiro já vamos procurar para comprar o terreno do Polo Industrial, visando a trazer para a Barra de São Francisco empresas de beneficiamento do Sul do Estado”.

O prefeito de verdade salientou, ainda, o principal papel de Alencar Marim em sua administração:  “O Alencar será nossa ponta de lança em Brasilia para conseguir recursos para que possamos fazer o que precisa ser feito, em termos de assistência social e geração de emprego e renda, junto ao Governo Federal”.