Bandes está entre os cinco maiores repassadores do BNDES em projetos de investimento

0

O Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) está entre os cinco maiores repassadores de recursos para projetos de investimento, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) de todo o Brasil. As linhas do banco capixaba com desembolsos do banco nacional são destinadas ao fomento do investimento em infraestrutura, aquisição de máquinas, e equipamentos e adoção de práticas sustentáveis nas empresas.

De acordo com um balanço apresentado durante o IV Fórum dos Agentes Financeiros do BNDES, em dezembro do ano passado, o projeto da Liquiport (https://www.bandes.com.br/Site/Noticias/Detail/2082/liquiport-investimento), maior da história do banco capixaba e também foi representativo para o banco nacional, com R$ 46 milhões destinados à empresa de logística do Estado, elevou o Bandes à quarta posição no ranking de maiores repassadores.

A diretora Operacional do Bandes, Gabriela Vichi, destacou a excelente performance que a parceria entre os bancos tem apresentado no incentivo ao desenvolvimento de projetos capixabas, o que resultou na notícia positiva recebida no Fórum dos Agentes Financeiros.

“Estamos comprometidos em fornecer recursos estratégicos para impulsionar iniciativas inovadoras e catalisar o crescimento econômico em no Espírito Santo, e a posição elevada que o Bandes alcançou com o projeto da Liquiport é fruto deste empenho. Nosso compromisso é impulsionar projetos que agreguem para o desenvolvimento do Estado e promovam a sustentabilidade. Estamos confiantes de que, com a sólida parceria entre o Bandes e o BNDES, continuaremos contribuindo para o fomento à economia sustentável capixaba”, ressaltou Gabriela Vichi.

Para este ano, a instituição de fomento capixaba conta com R$ 100 milhões disponíveis nas linhas do BNDES para apoiar negócios que desejam investir na modernização da infraestrutura, maquinário e sistemas, ou na adoção de processos alinhados às práticas de maior eficiência e menor impacto ecológico.

Com a retomada das operações com o BNDES em 2022, novas oportunidades para as empresas capixabas contam com o apoio de linhas específicas para investimento com as melhores condições do mercado. Para clientes adimplentes, há bônus de redução de 1% nos juros. Além disso, os prazos podem chegar em até 10 anos, com carência de até dois anos nas linhas BNDES Finame, e com prazos de até 20 anos para a linha BNDES Automático Investimento.

Para diversificação e modernização de empresas

O Bandes tem recursos disponíveis para as empresas investirem em infraestrutura e aumentarem a capacidade produtiva. As empresas interessadas têm como alternativa a contratação da linha Finame (https://www.bandes.com.br/Site/Dinamico/Show/1801/credito-investimento), com recursos do BNDES, voltada para a aquisição de máquinas e equipamentos credenciados no Catálogo de Produtos do banco nacional.

Apoio à adoção de práticas sustentáveis

Para permitir que o desenvolvimento econômico do Espírito Santo esteja alinhado à sustentabilidade socioambiental, o Bandes tem a linha Finame Baixo Carbono (https://www.bandes.com.br/Site/Dinamico/Show/1800/baixo-carbono), com recursos do BNDES. O financiamento é destinado à empresa que deseja comprar máquinas e equipamentos com maiores índices de eficiência energética ou que contribuam para a redução da emissão de gases de efeito estufa.

São sistemas fotovoltaicos, veículos elétricos ou movidos por biodiesel. Os benefícios da linha são inúmeros, uma vez que há um movimento global para o crescimento do mercado de baixo carbono e as condições operacionais desse produto são das mais competitivas dentro da realidade do mercado.

Linhas de financiamento BNDES

As linhas com recursos provenientes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social são ideais para financiamentos de pequenas e médias empresas (PMEs) capixabas. As taxas são as menores do mercado e, no Bandes, os clientes adimplentes contam com um bônus de redução de 1% nos juros para financiamentos dessas linhas. O empresariado também pode adquirir fôlego para a aplicação dos recursos, visto que os prazos podem chegar em até dez anos para pagamentos, com carência de até dois anos para as linhas BNDES Finame, e com prazos de até 20 anos para a linha BNDES Automático Investimento.

Financiando a aquisição e a comercialização de máquinas, equipamentos, sistemas industriais, projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação, as linhas BNDES são possibilidades excelentes para que os empreendedores estaduais diversifiquem as empresas, permitindo o aumento da capacidade produtiva.

Informações sobre linhas de financiamento:
bandes.com.br/credito

Gostou do conteúdo? Conheça outras matérias sobre o assunto:
Crédito com condições de pagamento atrativas para a indústria capixaba
(https://www.bandes.com.br/Site/Noticias/Detail/2112/credito-industria)

Crédito de baixo carbono apoia aquisição de equipamentos para empresas
(https://www.bandes.com.br/Site/Noticias/Detail/1958/carbono)

Informações à Imprensa:
Gerência de Comunicação Institucional do Bandes
Bárbara Deps Bonato / Wilson Igreja Campos
(27) 99774-4428 / (27) 3331-4424
comunica@bandes.com.br