Capixaba tem menos de um mês para transferir título de eleitor

0

Termina no dia 9 de maio o prazo para que o capixaba transfira ou retire a primeira via do título de eleitor. Sem o documento, o cidadão não poderá votar nas eleições municipais, que acontece no mês de outubro. Esse é o prazo também para o eleitor com necessidades especiais (inclusive idosos) solicitar transferência para uma seção de fácil acesso.

A recomendação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) é para que os eleitores não deixem para procurar os cartórios com antecedência. No caso das transferências, o eleitor deve procurar o cartório eleitoral que abranja sua nova residência. O eleitor que estiver com o título cancelado ou suspenso também deve regularizar sua situação – caso contrário não poderá votar, já que seu nome não irá constar da folha de votação de sua seção eleitoral.

Para quem deseja apenas requerer a segunda via do título eleitoral, sem qualquer alteração nos dados do documento, o prazo vai até o dia 27 de setembro.