Joninha é o atleta do ano em Barra de São Francisco

0

DSC_0426Com apenas 20 anos, muita simpatia e humildade, Jonatan de Magalhães, o Joninha,  desponta como o melhor atleta de Barra de São Francisco e região em 2013. Com três títulos conquistados – ele ainda pode ter outros até o final do ano, pois disputa a Copa dos Campeões e campeonato municipal de futsal em Alto Rio Novo – Joninha é um jogador de futebol nato e o seu nível está acima da média dos atletas da região.

Acostumado com a redondinha desde quando aprendeu a dar os primeiros passos, o seu primeiro presente foi uma bola que ganhou de sua avó, Dona Zumira. Naquela época, morando no Morro da Colina, as opções sempre foram muito poucas. De família pobre e humilde, Joninha cresceu dando os seus primeiros chutes nas ruas do bairro, jogando em campos de terra.

Joninha foi um dos primeiros alunos de Marcos Antônio Oliveira, o Marquim Esquerdinha, da Escolinha de Futebol do União Futebol Clube, do bairro Vaquejada. Deu seus primeiros passos no campo jogando pelo time aspirante do União. Marquim Esquedinha conta que quando viu o Joninha jogando pela primeira vez, percebeu que ali estava um craque de futebol e que poderia brilhar muito nos campos.

Poderia brilhar, se as oportunidades viessem da mesma maneira que as promessas vieram. Joninha diz que falta oportunidade, mas não falta oportunistas. “Falta investimento e apoio no esporte para que atletas sejam descobertos. Não querendo me gabar, mas reconheço que sou um atleta que estou um nível acima dos atletas da região”, pontuou Joninha.

DSC_0419

Somente neste ano, Joninha foi campeão três vezes sendo artilheiro em duas competições: Foi campeão do Perna de Pau com o Auto Escola Aprendiz e o artilheiro da competição com 19 gols; venceu o municipal de Mantenópolis, e também foi o artilheiro com 18 gols; e foi campeão da Copa Rural pelo Monte Seni, jogando ao lado de Júnior Baiano (jogador da Seleção Brasileira, Flamengo e Vasco).

Joninha já jogou em times como Santos de Barra de São Francisco, Santos de Vila Pavão, Vila Valério, Guarani de Águia Branca, Cevin de Mantena etc. Jogou em praticamente todos os times de Barra de São Francisco. Em jogos de campeonato, Joninha ganha um ‘bicho’ de cerca de R$ 200,00 por jogo. Está desempregado, porém é motorista profissional. Já trabalhou fazendo pequenos bicos como pintor.

O seu sonho é jogar em um time importante do futebol brasileiro. “Sei que já estou com idade avançada para tentar uma peneira em um grande clube. Porém não acho impossível jogar em um grande plantel. Pois tenho habilidade, força física, tenho grande empenho, chuto com as duas pernas, um nível incomparável na região. Enfim, tenho muito talento, falta apenas o preparo  que os atletas de ponta tem. Mas isso se conquista nos treinamentos. O que eu preciso é de uma chance, e se tiver, vou agarrá-la com todas as minhas forças”, salientou Joninha.

Joninha é meia atacante e acostumado a fazer muitos gols. Ele lembra de dois jogos em que fez gols e que marcaram 2013 para ele. “No Rural, estávamos perdendo a partida por 1 a 0 contra o Panorama. Decidi o jogo, fiz dois gols, e ganhamos de virada. No Perna de Pau, um jogo muito duro, que estava 1 a 1 e caminhava para o final com empate. O goleiro rolou a bola para mim, driblei dois jogadores no meio da quadra, parti para cima do goleiro e o tirei da jogada, e em cima da linha do gol ainda driblei o zagueiro e completei para as redes. A torcida vibrou tanto que quase invadiram a quadra. Foi uma noite muito abençoada”, disse Joninha.

Contato: (27) 9635-1276

fonte tempo real/Claudio Caterinque