Policiais envolvidos em clonagem de carros são presos

0
Policiais em operação/foto ilustrativa
Policiais em operação/foto ilustrativa

Quatro policiais civis foram presos durante a Operação Despachante, que ocorreu nesta terça-feira (9), em todos os municípios da Grande Vitória, exceto Viana, além de Aracruz, na região Norte, Barra de São Francisco e Colatina, no Noroeste do Estado. Ao todo 23 pessoas foram detidas, entre elas despachantes. No esquema, carros com restrição de roubo eram clonados e documentos foram falsificados. A Polícia Civil informou que o caso será encaminhado à Corregedoria e que os policiais presos vão responder por falsificação de documento público e falsidade ideológica, por liberarem os automóveis sem vistoria.

Sem título

De acordo com as investigações, que começaram em fevereiro deste ano, os chassis dos veículos roubados eram raspados, outro carro com as mesmas características era pesquisado e a placa dele era posta no roubado. Empresas de placas forneciam o material sem documentação e cinco tiveram licença suspensa. No caso da participação dos policiais civis, eles sediam documentos para liberação de automóveis sem fazer vistoria nos mesmos, clonados ou não clonados.

Em Colatina, a operação começou às 6h desta terça-feira e foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão em casas e despachantes do município. A Polícia Civil apreendeu documentos, computadores e tarjas de placas de carros. Cinco pessoas foram detidas e na casa de um dos suspeitos foi encontrado um revólver calibre 32.

Policiais cumpriram mandados de prisão e de busca e apreensão em Barra de São Francisco, Aracruz e na Grande Vitória. Durante esta tarde, os veículos foram levados para serem analisados na capital.