Programa Nossocrédito completa 20 anos e implementa linha para empreendedores formados no Qualificar ES

0

O Programa Nossocrédito comemora 20 anos de atuação no Estado. Para comemorar a data, foi implementada a operacionalização da linha de crédito para os empreendedores formados no Programa Qualificar ES, o “Nossocrédito Qualificar-ES”. A assinatura foi feita pelo governador do Estado, Renato Casagrande, na manhã desta terça-feira (21), no Palácio Anchieta, em Vitória. Ainda no ato, foi assinado o decreto que regulamenta a operacionalização do Fundo de Aval Garantir-ES.

“Para nós, conseguir um crédito com custo menor é importante e dar crédito a quem tem dificuldade é uma forma de distribuir renda. É bom que a gente fale sobre o Programa Nossocredito Brasil afora, pois é um programa referência, e que estamos aperfeiçoando e conectando com outros programas do Governo do Estado. Queremos um Governo forte para enfrentar desafios e atender às políticas públicas que entregamos à sociedade”, afirmou Renato Casagrande.

A nova linha de crédito visa facilitar o acesso ao crédito para os formados do programa QualificarES, oportunizando por meio do financiamento, que oferece o menor juros do mercado, trabalho e renda, para aqueles que desejam empreender. Trata-se de uma linha pensada e estruturada com condições operacionais facilitadas com a finalidade de impulsionar novos pequenos negócios.

Para o diretor-presidente da Aderes, Alberto Farias Gavini Filho o programa Nossocrédito está crescendo e atendendo cada vez mais pessoas. “A Aderes junto com o Banestes, tem levado um crédito orientado e facilitado para o empreendedor capixaba e isso tem contribuído com o desenvolvimento do Espírito Santo, gerando trabalho e renda”, destacou Gavini.

Na oportunidade, o governador assinou também o ato que implementa o novo formato de remuneração dos agentes de créditoque serão beneficiados com uma remuneração variável, instituída pelo Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes).  A iniciativa visa beneficiar os agentes distribuídos por todo o Espírito Santo.

“Na próxima semana estaremos em Porto Velho, Rondônia, a convite do governo daquele estado, para apresentar esse case de 20 anos de sucesso durante o Fórum Nacional de Inclusão Financeira, com a presença de grandes bancos e de representantes do Banco Central do Brasil. Mas, hoje, o destaque é para uma importante conquista anunciada: a implementação da remuneração variável aos agentes de crédito das prefeituras municipais. Uma importante forma de profissionalizar e valorizar ainda mais a relevante atuação dos agentes na operação do microcrédito no Espírito Santo”, pontuou o diretor presidente do Banestes, Amarildo Casagrande.

O presidente da instituição anunciou ainda a redução da taxa de juros de duas linhas do microcrédito, a linha Juntas e a linha Juventude, que agora partem de 1,19% ao mês. “Destaco ainda a excelente notícia de lançamento da linha Qualificar ES, com a melhor condição disponível no mercado, com taxa de juros a partir de 1,15% ao mês, possibilitada a partir da criação do Fundo Garantir-ES. O Banestes atua com foco no desenvolvimento social e econômico de todos os municípios do Espírito Santo”, frisou.

O Programa Nossocrédito, representa a principal política pública do Estado no apoio aos pequenos negócios, tanto do segmento formal quanto no informal. Sendo caracterizado por ser uma iniciativa conjunta de entes do poder público como a Agência de Desenvolvimento das Micros e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes), e prefeituras, e conta ainda com o apoio do Serviço Nacional de apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-ES).

Sobre o lançamento do “Nossocrédito Qualificar-ES”, o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional, Bruno Lamas, comentou: “As linhas de financiamento de crédito mais baixas são importantes por vários motivos, essas razões geralmente estão relacionadas com o estímulo ao crescimento econômico, o acesso a oportunidades e a promoção da estabilidade financeira. O Governo do Estado, com olhar sensível àqueles que querem empreender, está apostando no Nossocrédito QualificarES. Agora além de capacitar o capixaba, o Governo também estimula o empreendedorismo por meio do crédito facilitado.”

Ainda entre as ações de fortalecimento do Nossocrédito, a Aderes atualizou os Convênios de Regulamentação do Programa, por meio da assinatura de termos de cooperação técnica com os parceiros: Federação de Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL); Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas e Empreendedores Individuais do Estado do Espírito Santo (Femicro); Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Espírito Santo (Faciapes); além da adesão dos municípios capixabas ao Programa.

Também foi instituído o Conselho Técnico do Programa Nossocrédito (Cotec), por meio de uma portaria que vai habilitar e designar membros dos demais parceiros, a fim de manter a integração e o fortalecimento do Programa.

Garantir-ES

O Fundo de Aval do Microcrédito do Espírito Santo – GARANTIR-ES – é um instrumento financeiro que tem o objetivo de contribuir com o desenvolvimento do empreendedorismo no Estado, por meio de um aval, que visa facilitar aos donos de pequenos negócios o acesso ao microcrédito.

O GARANTIR-ES, criado pela Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), vai atender os Microempreendedores Individuais (MEI), formais ou informais, microempresas, empresas de pequeno porte e organizações econômicas de caráter coletivo e solidário, por meio de programas especiais de concessão de crédito e capacitação empreendedora.

Segundo o diretor-presidente da Aderes, Alberto Farias Gavini Filho, o GARANTIR-ES, se constitui como Fundo de Aval para os créditos de algumas linhas que a autarquia trabalha na categoria de microcrédito, orientado e produtivo, pois vai contribuir na redução da exigência de avalista para tomada de crédito pelos empreendedores ou para quem deseja ter um pequeno negócio. A operacionalização está prevista para janeiro de 2024. “Dependendo da situação do empreendedor, ele poderá conseguir o crédito sem a necessidade de ter um avalista”, disse o diretor-presidente da Aderes.

Também participaram do evento os deputados estaduais Alexandre Xambinho, Janete de Sá, Zé Preto e Thiago Hoffmann; e o diretor de atendimento do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-ES), José Eugênio Vieira.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Assessoria de Comunicação da Aderes
Débora Pedroza
(27) 99309-8431
debora.pedroza@aderes.es.gov.br

Assessoria de Comunicação do Banestes
Rafaella Rodrigues
assessoriadecomunicacao@banestes.com.br