Suspeito de matar menina Geovanna reclama da cadeia pelo Facebook

0

Anderson Verdan era um dos traficantes mais procurados do Rio quando foi preso, em julho

Anderson da Silva Verdan, o Bamba, que está preso no Complexo Penitenciário de Gericinó, na zona oeste do Rio, começou a fazer postagens e a publicar fotos no Facebook nas últimas semanas. Ele reclamou na rede social que não tem liberdade na cadeia. Bamba é acusado de participar da morte da menina Geovanna Victória, em janeiro deste ano. Assista ao vídeo

AnteriorO detento mudou a foto do perfil dele e exibiu imagens ao
lado de amigos e parentes. Agentes penitenciários fizeram uma revista na cela e
encontraram dois celulares. Assista ao vídeo

O detento mudou a foto do perfil dele e exibiu imagens ao lado de amigos e parentes. Agentes penitenciários fizeram uma revista na cela e encontraram dois celulares. Assista ao vídeo

17_07_06_110_file

A Seap (Secretaria Estadual de Administração Penitenciária) abriu uma sindicância para apurar como os aparelhos com acesso à internet foram parar nas mãos de Anderson Verdan

17_07_06_177_file

O Bamba era um dos traficantes mais procurados pela polícia do Rio. Ele foi capturado em julho. Segundo as investigações, além da morte de Geovanna (foto), Verdan também participou do assassinato de Angelito Barros Correia de Mello, de 27 anos, em agosto de 2012

17_07_05_973_file

Ainda de acordo com a polícia, o Bamba era um dos líderes da “gangue da retroescavadeira”, que quebrava paredes de farmácias durante a madrugada na Baixada Fluminense para roubar caixas eletrônicos

17_07_05_838_file

Anderson Verdan foi preso ao tentar entrar no morro do Urubu, em Pilares, zona norte. Contra ele havia três mandados de prisão. O Bamba tem nove registros criminais por tráfico, homicídio e latrocínio. Imagens feitas de um helicóptero o mostraram no meio de uma festa de traficantes no morro da Mineira. Assista ao vídeo